Aprendendo

Deficiência Auditiva - Dicas de Convivência

  • Procure falar pausadamente, mantendo contato visual, pois se desviar o olhar poderá entender que a conversa acabou;
  • Não grite, fale com tom de voz normal, a não ser que lhe peçam para falar mais alto;
  • Se tiver dificuldade para entendê-lo, não tenha receio de pedir que repita;
  • Pessoas surdas se comunicam de maneira essencialmente visual e pela Língua de Sinais. Para iniciar uma conversa com uma pessoa surda, acene ou toque levemente em seu ombro ou braço;
  • Quando o surdo estiver acompanhado de intérprete, fale diretamente com a pessoa surda, não com o intérprete;
  • Se necessário, comunique-se por meio da escrita. Ou faça mímicas e gestos que possam identificar o que você quer dizer;
  • Fale articuladamente, movimentando bem os lábios, evitando colocar objetos ou a própria mão na boca, para não atrapalhar a leitura labial;
  • Não é correto utilizar o termo surdo-mudo. A pessoa, a língua de sinais. Entretanto, a terapia fonoaudiólogica pode colaborar para o desenvolvimento da fala oral.

© 2012 - Copyright ARPA Acessibilidade. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade.